Manufatura enxuta: o que é e como colocar em prática na sua fábrica

Atualizado em 31/05/19 - Escrito por Thiago Leão na(s) categoria(s): Produção

Gestão de processos

A Manufatura Enxuta é uma filosofia japonesa para eliminar desperdícios e aumentar a competitividade de indústrias. A ideia principal é acabar com desperdícios, utilizando pouco estoque, com flexibilidade, melhorando layouts e assim conseguindo atender as necessidades dos clientes conforme eles querem e na hora em que eles desejam.

A origem da manufatura enxuta foi após a segunda guerra mundial, na fábrica japonesa da Toyota. O criador foi Taiichi Ohno e ele fez isso porque a empresa precisava se tornar mais competitiva para se manter no mercado e conseguir competir com as montadoras americanas.

Neste artigo, além de ver o que é a Manufatura Enxuta, vou mostrar quais são seus principais pilares, vantagens e como aplicar na sua indústria.

Vamos lá:

Pilares da Manufatura Enxuta

Minimizar ou eliminar desperdícios

Como o próprio nome diz, a ideia da manufatura enxuta é fazer mais com menos. Sendo assim, você precisa reduzir até eliminar os desperdícios da sua produção

Esses desperdícios não são apenas itens perdidos, mas qualquer esforço que não era necessário para atender o que o cliente deseja, da forma em que ele deseja.

Sempre há espaço para melhorar (melhoria contínua)

Ao colocar em prática a manufatura enxuta, sua equipe precisa ter em mente a melhoria contínua. Ou seja, nada é perfeito, sempre há espaço para melhorar.

Faça reuniões periódicas com a sua equipe e rode ciclos de melhoria contínua para conseguir extrair cada vez mais resultados com os mesmos ou menos recursos.

Compromisso com a qualidade na produção

Quando uma indústria está reduzindo custos, é preciso tomar cuidado para não comprometer a qualidade dos seus produtos.

Além disso, é preciso sempre buscar a causa raiz das não conformidades da produção, para assim melhorar o processo e reduzir gastos com perdas e devoluções.

Produção Just in Time

O engenheiro Celso Monteiro escreveu um artigo completo falando como reduzir custos e aumentar o lucro usando o Just in Time.

A ideia aqui é produzir apenas o necessário, na quantidade necessária e na data necessária.

O objetivo é justamente evitar desperdícios e utilizar seus recursos da melhor forma possível.

Desperdícios que você reduz ou evita utilizando a manufatura enxuta

A manufatura enxuta ajuda a reduzir ou eliminar os 7 principais desperdícios da indústria. Confira a lista de melhorias:

Superprodução (Overproduction)

O primeiro ponto é o desperdício de produzir além do necessário.

Isso é ruim já que utiliza recursos desnecessariamente, aumentando os custos de produção e ainda pode gerar um excesso de estoque, que aumenta o custo de armazenamento.

Estoque (Inventory)

O excesso de estoque significa dinheiro parado, já que muitas vezes as indústrias possuem um grande valor em estoque.

Por isso o ideal é ter o mínimo de estoque possível para manter um bom fluxo de caixa e evitar ficar com dinheiro parado.

Defeitos (Defects)

Defeitos e não conformidades geram desperdício de material, mão de obra e dinheiro. Além disso, podem afetar a sua relação com seus clientes.

É por isso que a manufatura enxuta reforça o compromisso com a qualidade e a importância de encontrar a causa raiz dos problemas.

Transporte (Transportation)

Essa parte está ligada ao layout de produção e o tempo gasto no deslocamento dos produtos na sua fábrica.

Como essa atividade não agrega nenhum valor ao produto, é preciso otimizar ao máximo para reduzir o tempo de transporte.

Para saber mais sobre esse assunto, recomendo que baixe: [eBook] Layout Industrial – O guia completo para melhorar o layout da sua fábrica

Processamento (Unnecessary processing/ Inappropriate Processing)

Aqui estão as perdas com atividades desnecessárias durante o processo produtivo.

A manufatura enxuta é capaz de identificar essas falhas e então sua equipe poderá melhorar os processos e aumentar a produtividade.

Movimentação (Staff movement/ Excess Motion)

Aqui está o desperdício com movimentações desnecessárias, como o deslocamento dos trabalhadores e máquinas.

Com a manufatura enxuta você consegue identificar essas movimentação e então propor novas rotinas mais produtivas.

Espera (Waiting)

Esse desperdício está quando um colaborador ou máquina precisa esperar para avançar na produção. Essa espera é um gargalo e deve ser reduzida o quanto antes.

Coloque a manufatura enxuta em prática

Agora que você já sabe o que é a manufatura enxuta, quais são seus pilares e que tipo de desperdícios ela reduz ou até elimina, chegou a hora de colocar em prática.

Recomendo que estude mais sobre o assunto, vale a pena até mesmo fazer uma formação em Lean Manufacturing para você conseguir aplicar os conceitos de forma otimizada.

Além disso, convido também para assistir uma demonstração do Nomus ERP Industrial, que é a ferramenta que eu utilizo para gerenciar a produção das indústrias que atendo.

Fique a vontade para entrar em contato caso tenha alguma dúvida ou sugestão. Até a próxima!

Nomus ERP Industrial

Compartilhe esta matéria:


Tags:


Engenheiro Mecânico Industrial formado na UERJ e especialista em implantação de sistemas de gestão Industrial na Nomus. Thiago já atuou em fábricas de diversos setores, como: Embarcações, perfuração submarina, metal-mecânica, materiais de escritório, alimentício, cosméticos e tubulação.



Receba no seu email.

Os melhores artigos, ebooks e planilhas de gestão da produção industrial, gratuitamente, no seu email.





Junte-se a 47.312 gestores e profissionais da indústria

Receba dicas semanais de engenheiros de produção direto no seu email e turbine sua a gestão da sua indústria. Inscreva-se gratuitamente:


Seu email está seguro e você nunca receberá spam