6 segredos importantes para planejar a implantação do seu software ERP

Atualizado em 13/02/20 - Escrito por João Pimenta na(s) categoria(s): Gerenciamento da rotina / Gestão de projetos / Processos e Organização

6-passos-para-montar

Este artigo faz parte de uma série, veja os anteriores:

1. Dedique tempo na medida certa

Chegando nesse ponto da série de artigos, acredito que todos concordam que planejar é importante, mas quanto tempo dedicar ao planejamento? Alguns colocam que quanto maior for o tempo gasto com planejamento, maiores são as chances de sucesso. Concordamos, porém, a partir de certo momento o aumento das chances não compensa o tempo dedicado.

Por isso, é importante considerar, por exemplo, qual será o tamanho do projeto, custo total investido, expectativa de prazo, entre outros fatores. Quanto maior for o projeto, maior é a necessidade de planejar. Para tentar generalizar, estimam que 20% do tempo total do projeto deve ser usado para planejamento.

É essencial para qualquer projeto estabelecer um cronograma de alto nível desde o início da implantação do seu sistema erp.

2. Abuse de cautela e critério no planejamento

A confecção do cronograma deve ser feita com critério e cuidado. Muitas vezes no início do projeto é definida uma expectativa por parte do cliente que nem sempre será atingida quando o projeto é preparado.

Nesses casos é importante ser transparente e utilizar prazos factíveis para as atividades. Essa premissa pode impactar negativamente a relação entre o fornecedor e o cliente e criar atritos desnecessários.

É importante alinhar desde o início que sem o cronograma é praticamente impossível estimar com precisão o prazo do projeto e, o projeto em si, se inicia antes da confecção do cronograma.

3. Padronize a estrutura do cronograma

Após montar seus primeiros cronogramas, realize uma análise comparativa entre todos os cronogramas feitos e busque formar etapas genéricas que podem ser reaproveitadas facilmente.

4. Alinhe o cronograma com os principais envolvidos

O cronograma deverá ser apresentado para toda a equipe antes de iniciar o projeto. Todos deverão concordar com os prazos estabelecidos e se comprometer a realizar as tarefas. O líder deve mostrar a importância de todos os envolvidos no projeto.

Essa prática auxilia muito o sucesso do projeto, fazendo com que mais colaboradores sejam a favor da implantação do novo sistema.

5. Considere a cultura de empresa

É preciso buscar entender ao máximo as condições inerentes à execução do projeto, tais como: cultura de trabalho, experiências negativas com implantação de sistemas, normas de trabalho, características peculiares do processo produtivo, entre outras, que variam com cada projeto.

6. Acompanhe o projeto de perto

Sem controle não é possível concretizar o planejamento. Reúna periodicamente a equipe para que os responsáveis apresentem os avanços. Acompanhe de perto a execução de tarefas mais complicadas e/ou tarefas que estejam no caminho crítico do projeto.

Compare sempre o realizado com o planejado para identificar rapidamente ações corretivas e necessidades de realocação de recursos.

No próximo artigo entraremos na prática e irei mostrar os 7 passos para montar um cronograma de implantação de um software ERP. Acompanhe o Blog Industrial e confira!

banner-animado


Compartilhe esta matéria:


Tags:


Engenheiro de Produção pela UERJ, trabalhou em diversos projetos de consultoria com a Coppe da UFRJ e participa de projetos de implantação do Nomus PCP desde 2011.


Participe! Deixe o seu comentário agora mesmo: