“Minha produção atrasa e fabrico após o momento correto.” Veja o que você está perdendo.

Atualizado em 25/06/18 - Escrito por Thiago Leão na(s) categoria(s): Processos e Organização / Produção

Nesse dores da Indústria vamos dar sequência as dores que estão dentro do grupo de tratamento pelo Planejamento da produção e compras com geração e ordens de produção e MRP. Se você não assistiu o vídeo anterior, eu falo da falta de estoque de produto acabado causada pela indústria fabricar menos que o necessário.

Uma outra causa dessa dor é quando fabrico após o momento correto. Se você tem que fabricar hoje pra ter o estoque disponível daqui há uma semana e só começa a fabricar daqui a quatro dias, você vai ter o estoque disponível com quatro dias de atraso, com isso vem a falta de estoque de produto acabado. Isso é perder venda.

Custo de aquisição do cliente

Outro problema, um pouco mais difícil de medir o impacto financeiro, é abrir o espaço para a concorrência. O cliente tem a necessidade que você fabrique e venda, mas você não tem esse material em estoque e o cliente não tolera aguardar o prazo de entrega que você oferece. Em meio a espera ele pode procurar outro fornecedor e vir a gostar do concorrente. Na próxima compra ele pode não te consultar e procurar o outro fornecedor. 

Quando um cliente deixa de comprar pela falta do produto em estoque, passando a comprar com o fornecedor, você “perde um cliente”. Para conquistar um novo cliente com características parecidas de geração de receita, há um custo de aquisição do cliente. Como isso pode ser medido? É preciso medir todo o esforço que foi necessário para a conquista do cliente. Desta forma o CAC é a divisão quanto é gasto para conseguir novos clientes pela quantidade de clientes conquistados.

Exemplo

Sua equipe de vendas e marketing tenha um custo mensal de R$ 15 mil, prospectando novos clientes. Conquistando três novos clientes por mês, seu CAC será de R$ 5 mil.

Quantos cliente você perde por mês?

Em uma conversa com um cliente, ele contou um problema financeiro que passou por falta estoque de produto acabado. Se você não perder cliente, nem venda, ocorre um atraso no seu ciclo de recebimento. Com isso você acaba perdendo tempo.

Se você tem um certo nível de endividamento, precisando recorrer a capital de terceiros para manter seu capital de giro, fluxo de caixa, também é possível medir, o quanto você poderia estar recebendo, caso não houvesse atraso, tendo o produto em estoque, para venda, entregando mais rápido.

Fabrico após o momento correto, como corrigir?

Sem nenhum efeito colateral, você deve fazer o Planejamento da produção e compras com geração e ordens de produção e MRP. Esse tratamento está disponível em softwares de gestão ERP mais avançados, focados em segmento industrial, como o Nomus ERP Industrial.

Você pode ler mais sobre MRP nos artigos:


Compartilhe esta matéria:


Tags: ,


Engenheiro Mecânico Industrial formado na UERJ e especialista em implantação de sistemas de gestão Industrial na Nomus. Thiago já atuou em fábricas de diversos setores, como: Embarcações, perfuração submarina, metal-mecânica, materiais de escritório, alimentício, cosméticos e tubulação.


Participe! Deixe o seu comentário agora mesmo:




Junte-se a 47.312 gestores e profissionais da indústria

Receba dicas semanais de engenheiros de produção direto no seu email e turbine sua a gestão da sua indústria. Inscreva-se gratuitamente:


Seu email está seguro e você nunca receberá spam